Can't or Won't?











{27/01/2006}   Spokesman – Goldfinger
What happened to Dignity?
Did it go away again?
Just like some worn out trend.
Well I still defend emotions.

What happened to Honesty?
I don’t see it in the top ten.
I only see it in what has been.
Cuz I still defend Devotion.

Am I alone?

Don’t want to rest, Don’t want to breath.
We don’t want to hear about life.
Don’t want to hear a spokesman.
I don’t want to test on what you believe,
The god damn singer wrote the song!
Don’t want to hear a spokesman.

What happen to Integrity?
I don’t see it on MTV.
All I see is choreography
and I’ll never be a dancer

What happen to puberty?
Bad Skin and insecurity?
And who the fuck is felicity?
Cuz I have problems of my own!

Am I alone?

Don’t want to rest, Don’t want to breath
We don’t want to hear about life.
Don’t want to hear a spokesman
Don’t want to test on what you believe
The god damn singer wrote the song!
Don’t want to hear a spokesman.



{28/09/2005}   Kelly Clarkson
"Behind These Hazel Eyes

Seems like just yesterday
you were a part of me
I used to stand so tall
I used to be so strong
your arms around me tight
everything felt so right
unbreakable, like nothing could go wrong

no I can’t breathe, I can’t sleep
I’m barely hangin’ on

Here I am
once again
i’m torn into pieces
can’t deny it, can’t pretend
just thought you were the one
broken up, deep inside
but you wont get to see the tears I cry
behind these hazel eyes

I told you everything
opened up and let you in
you made me feel alright
for once in my life
now all that’s left of me
is what I pretend to be
sewed together but so broken up inside

no I can’t breathe, no I can’t sleep
I’m barely hangin’ on

Here I am
once again
i’m torn into pieces
can’t deny it, can’t pretend
just thought you were the one
broken up, deep inside
but you wont get to see the tears I cry
behind these hazel eyes

swallow me then spit me out
for hated you I blame myself
seeing you, it kills me now
though I dont cry on the outside anymore
anymore

Here I am
once again
i’m torn into pieces
can’t deny it, can’t pretend
just thought you were the one
broken up, deep inside
but you wont get to see the tears I cry
behind these hazel eyes

Here I am
once again
i’m torn into pieces
can’t deny it, can’t pretend
just thought you were the one
broken up, deep inside
but you wont get to see the tears I cry
behind these hazel eyes"



{30/08/2005}   Álvaro de Campos
"Lisbon revisited
 
Não: não quero nada
Já disse que não quero nada.
 
Não me venham com conclusões!
A única conclusão é morrer.
 
Não me tragam estéticas!
Não me falem em moral!
Tirem-me daqui a metafísica!
Não me apregoem sistemas completos, não me enfileirem conquistas
Das ciências (das ciências, Deus meu, das ciências!) —
Das ciências, das artes, da civilização moderna!
 
Que mal fiz eu aos deuses todos?
 
Se têm a verdade, guardem-na!
 
Sou um técnico, mas tenho técnica só dentro da técnica
Fora disso sou doido, com todo o direito a sê-lo.
Com todo o direito a sê-lo, ouviram?
 
Não me macem, por amor de Deus!
 
Queriam-me em casa, fútil, quotidiano e tributável?
QUeriam-me o contrário disso, o contrário de qualquer coisa?
Se fosse outra pessoa, fazia-lhes a todos, a vontade.
Assim como sou, tenham paciência!
Vão pro diabo sem mim,
Ou deixem-me ir sozinho pra o diabo!
Para que havemos de ir juntos?
 
Não me peguem pelo braço!
Não gosto que me peguem pelo braço.Quero ser sozinho.
Já disse que sou sozinho.
Ah, que maçada quererem que eu seja de companhia!
 
Ó céu azul — o mesmo da minha infância —
Eterna verdade vazia e perfeita!
Ó macio Tejo ancestral e mudo,
Pequena verdade onde o céu se reflecte!
Ó mágoa revisitada, Lisboa de outrora de hoje!
Nada me dais, nada me tirais, nada sois do que me sinta.
 
Deixem-me em paz!Não tardo, que nunca tardo…
Enquanto tarda o Abismo e o Silêncio que estar sozinho!"


{18/08/2005}   Almeida Garret
Este poema incirvelmente eu peguei do meu livro de Portugues e simplesmente ADOREI!
"Perfume da rosa
 
Quem bebe, rosa, o perfume
Que te  eu seio respira?
Um anjo, um silfo? Ou que nume
Com esse aroma respira?
 
Quem é o deus que, namorado,
De seu trono te ajoelha,
E esse néctar encantado
Bebe oculto, humilde abelha?
 
– Niguém? – Mentiste: essa frente
Em languidez inclinada,
Quem ta pôs assim pendente?
Dize, rosa enamorada.
 
E a cor de púrpura viva
Como assim te desmaiou?
E essa palidez lasciva
Nas folhas quem ta pintou?
 
Os espinhos que tão duros
Tinhas na rama lustrosa,
Com que magos esconjuros
Tos desarmaram, ó rosa?
 
E porquê, na hastea sentida
Tremes tanto ao pôr-do-sol?
Porque escutas tão rendida
Ao canto do rouxinol?
 
Que eu não ouvi um suspiro
Sussurrar-te na folhagem?
Nas águas desse retiro
Não espreitei a tua imagem?
 
Não a vi aflita, ansiada…
– Era prazer ou dor? –
;entiste, rosa, és amada
E também tu amas, flor.
 
Mas ai! Se não for m nume
O que em teu seio delira,
Há-de matá-lo o perfume
Que nesse aroma respira."
 
LINDO….
Caso queiram saber esse poema está no livro Folhas Caidas…
BJAO


{25/07/2005}   Verissimo

oi gente.isso foi um email k recebi, n sei s eh msmo do Verissimo, mas eh engracado msmo assim.

"10 coisas k levei anos pra aprender

1-Jamais, sob quaisquer circuntancias, tome remedio pra dormir e laxante na msma noite,

2-Se voce tivesse que identificar, em uma palavra, a razao pela qual a raca humana ainda n atingiu (e nunca atingira) todo o seu potencial, essa palavra seria "reunioes"

3-Ha uma linha mt tenue entre "hobby" e "doenca mental"

4-As pessoas k kerem compartilhar as suas visoes religiosas com vc quase nunca kerem k vc compartilhe as suas com ela

5-N confunda sua carreira com a sua vida

6-Ninguem liga s vc n sbe dancar. Levante e dance!

7-A forca mais destrutiva do universo eh a fofoca

8-Uma pessoa k eh boa com vc mas grosseira com o garcom, n pode ser uma boa pessoa

9-Seus amigos de verdade amam vc d qq jeito.

10-Nunca tenha medo d tentar algo novo. Lembre-s de k um amador solitario construiu a Arca, um grande grupo de profissionais construiu o Titanic."

 

Keria agradecer td mndo k veio no meu niver!MUITO OBRIGADA!!!!Vcs fizeram meu dia!

Bjs,

Chel



et cetera